17 startups são levadas para internacionalização em Boston pelo programa StartOut Brasil

Entre os dias 22 e 27 de setembro, 17 startups brasileiras participaram do 8º ciclo de internacionalização do StartOut Brasil. Desta vez, o programa levou as empresas para uma imersão no ecossistema de Boston, Estados Unidos. O local é um dos principais hubs de inovação do país, junto com o Vale do Silício, Nova York e Los Angeles.

A missão, destinada não apenas para a venda de soluções e tecnologias, mas também para o aprendizado sobre um dos principais mercados americanos, teve uma agenda voltada à prospecção de clientes e investidores, e à conexão com ambientes de inovação.

Para isso, as startups contaram com visitas a aceleradoras, incubadoras e empresas locais; seminário de oportunidades; rodada de reuniões com prestadores de serviços; e encontros organizados pelo matchmaker. Além dessas atividades, os empreendedores também tiveram a oportunidade de realizar uma apresentação para possíveis investidores e parceiros.

Para se prepararem para esse momento, as empresas aprovadas passaram por um processo de preparação para a missão durante dois meses. De acordo com Paulo Henrique Souza, Founder e CEO da Ubivis, que oferece solução completa para otimizar a operação industrial com a utilização de IoT, essa preparação foi essencial para o êxito na missão.

“Recebemos consultorias organizadas pelo time do programa StartOut, tanto no Brasil como nos Estados Unidos. Isso, assim como a troca de experiência com outras startups participantes do programa, permitiu a Ubivis atingir o objetivo de planejar uma estratégia de internacionalização, sendo muito efetivo”, comenta Souza.

Agora, as startups continuarão a receber acompanhamento personalizado dos organizadores do programa para definirem suas estratégias de internacionalização e/ou softlanding no mercado-alvo e maximizarem as oportunidades identificadas no exterior.

2019-10-14T18:38:51+00:00