Eco Panplas é reconhecida pelos mais relevantes prêmios nacionais e internacionais

Desde 2014, a Eco Panplas desenvolve um sistema que separa completamente o óleo do plástico moído e do rótulo sem utilização de água, geração de resíduos e com um custo 30% menor do que o processo usualmente realizado. Com essa solução, todo óleo residual é recuperado e armazenado diretamente no tambor, eliminando o risco ambiental.

“Produzimos uma matéria prima reciclada de excelente qualidade, 100% feita com embalagens de óleo lubrificantes, garantindo assim a homogeneidade e padronização do produto.  Compramos as embalagens de empresas ambientais de coleta, realizamos o processo de recuperação do óleo e vendemos o produto para a indústria de rerrefino. O plástico, por outro lado, é vendido para a indústria de embalagem, que consegue fabricar um novo recipiente sem uso de material virgem e com 10% de redução de custo, realizando uma verdadeira economia circular”, comenta Felipe Cardoso, CEO & Fundador da Eco Panplas.

Nos últimos dois anos, a startup processou 10 milhões de embalagens, recuperando e vendendo 500 toneladas plástico reciclado e 17 mil litros de óleo residual. Com isso, preservou 17 bilhões de litros de água, evitou que 530 toneladas de plástico contaminado fossem descartadas de forma irregular e conteve a emissão de 800 toneladas de gases de efeito estufa.

Assim, a iniciativa foi reconhecida pelos mais relevantes prêmios nacionais e internacionais, como o Fórum Mundial da Água; o Whow de Inovação; o ODS do Pacto Global da ONU; o Ideas for Action, do Banco Mundial; o BID 2018 e, recentemente, a edição 2019 do BID, que elegeu a Eco Panplas como a solução mais inovadora da década na América Latina.

“O prêmio BID 2019 é realmente muito especial para nós, porque concorremos com os ganhadores de 10 anos. Ficamos felizes de trazer essa vitória para o Brasil após a final com uma solução do Uruguai e outra do México. Essa conquista também foi resultado da preparação que tivemos com o StartOut Brasil. Com o programa tivemos um trabalho interessante de treinamento, de como comunicar bem o negócio, na validação da nossa solução em outros mercados. Assim, conseguimos ver que a Eco Panplas desenvolve um sistema realmente global”, afirma Cardoso.

Agora, o empreendedor deseja consolidar parcerias, unindo as empresas ambientais que coletam essas embalagens com os fabricantes da matéria prima e com as indústrias de embalagens e de óleo lubrificante, para consolidar a logística reversa, gerando valor e benefícios ambientais e financeiros para toda a cadeia produtiva. Além disso, também visa internacionalizar sua solução e encontrar novas aplicações para o sistema, como garrafa pet de óleo vegetal, baldes de tintas, embalagens de fertilizantes, recipientes de produtos químicos, entre outros.

 

2019-11-12T17:37:05+00:00