Birmind, uma das melhores startups industriais do Brasil, já passou por dois ciclos do StartOut Brasil

//Birmind, uma das melhores startups industriais do Brasil, já passou por dois ciclos do StartOut Brasil

Birmind, uma das melhores startups industriais do Brasil, já passou por dois ciclos do StartOut Brasil

 

A BirminD começou em 2015, quando os fundadores Diego Mariano e Raphael Costa deixaram seus empregos em engenharia de automação e resolveram prestar serviços de otimização industrial no mercado brasileiro. Junto ao mentor estratégico e investidor anjo Christian Pensa, eles transformaram os trabalhos de melhorias de performance em uma solução escalável capaz de ranquear financeiramente os processos industriais. Com o tempo, novas features foram surgindo e o nome BirminD passou a ser conhecido no cenário nacional.

Atualmente, a startup oferece um software capaz de tratar dados industriais, desde planilhas de Excel até conexões automáticas com ERPs, supervisórios e controladores, correlacionando as informações de forma a encontrar potenciais de redução de desperdícios em dinheiro, ranquear as melhores oportunidades para otimizar a fábrica, encontrar a causa raiz do problema, indicar os melhores pontos de operação para excelência industrial e simular cenários por meio de redes neurais.

Seu grande diferencial é sua estratégia de negócios. A solução é fácil de ser utilizada e possui um excelente custo benefício. “Fazemos desde análises mais simples, como custo de parada de máquina, até avaliações mais complexas utilizando algoritmos genéticos. Isso posicionou a nossa marca como a porta de entrada para a indústria 4.0, pois antes do gestor colocar uma tecnologia dentro da fábrica, ele pode avaliar se aquilo trará, de fato, benefícios”, afirma Diego Mariano, CEO da BirminD.

Hoje, depois de ficar entre as 12 startups destaques do InovAtiva Brasil 2017.1 e participar de duas edições do StartOut Brasil – ciclos Paris (2017) e Berlim (2018), a empresa está entre as melhores startups industriais do país.

“Já participamos de diversos outros programas de aceleração. O InovAtiva tem um ponto interessante, que reside no fato de possuir uma rede de contatos bastante vasta, possibilitando oportunidades únicas para as startups, tanto no quesito mentoria, quanto na geração de negócios com executivos de grandes empresas”, ressalta Mariano.

Em relação ao StartOut Brasil, Christian Pensa, Sócio e Conselheiro Estratégico da empresa, comenta que internacionalização é um tema que requer planejamento de longo prazo. De acordo com ele, foram excelentes imersões nos ambientes de inovação da Europa, semanas intensas de aprendizado e troca de experiências.

“Percebemos que a comunidade de startups no Brasil está seguindo um caminho muito parecido com o das comunidades europeias há algum tempo. Hoje existe muita inovação no Brasil que brilha aos olhos dos europeus”, destaca Christian.

Por esse motivo, considerando a enorme variedade de soluções, a BirminD quer guiar seus clientes para as tecnologias que trarão maior eficiência, com consequente redução de impactos ambientais e aumento de lucro.

“A visão da BirminD é ser referência em otimização de processos, trazendo soluções simples, para as quais o usuário não precise ser um especialista em inteligência artificial ou um cientista de dados para utilizar. Nossa expectativa futura é ter a marca da BirminD conhecida globalmente, permeando não somente o mercado industrial, como também outros setores corporativos”, finaliza o Sócio e Conselheiro Estratégico.

2018-12-01T10:26:12+00:00