Atual líder do Global Entrepreneurship Index América Latina, o Chile será o destino do primeiro StartOut de 2019

 

O primeiro ciclo do StartOut Brasil 2019 será no mercado chileno. O país vem atraindo empreendedores estrangeiros por possuir uma economia aberta e estável, além de oferecer um crédito atraente, com taxas básicas de juros de apenas 2,5% ao ano, e ter 60% do PIB baseado em importações e exportações.

O único país sul-americano com uma economia de alta renda, de acordo com o Banco Mundial, é o terceiro maior importador do seu continente e o segundo maior parceiro comercial do Brasil na América do Sul, com um fluxo comercial de US$ 8,1 bilhões entre janeiro de outubro de 2018, segundo dados do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC).

Além disso, em novembro deste ano, Chile e Brasil assinaram um Tratado de Livre-Comércio (TLC), com o qual os dois países assumem compromissos em 24 áreas não tarifárias, que vão desde a facilitação de comércio até a eliminação de cobrança de roaming internacional para dados e telefonia móvel.

O acordo, amparado pelo Acordo de Complementação Econômica (ACE 35), conta ainda com temas como boas práticas regulatórias, barreiras não tarifárias, meio ambiente, propriedade intelectual, serviços, incentivo à maior participação de micro, pequenas e médias empresas, dentre outros.

Para as 20 startups que irão participar do StartOut Brasil ciclo Santiago, isso representa uma grande oportunidade de mostrar todo o seu potencial e até conseguir aportes, visto que o país que detém a maior renda per capta da América do Sul é apontado como um dos que mais investem em empreendimentos inovadores no mundo atualmente.

Desde 2010, por meio do programa governamental Start-Up Chile, empresas de 79 países receberam investimentos da ordem de US$ 420 milhões e foram capazes de gerar cerca de 1.500 empregos no Chile e cinco mil no mundo. Esse constante crescimento fez grandes multinacionais se estabelecessem no local.

Se você se interessou e gostaria de fazer uma imersão no Chile, preste atenção nas datas:

Inscrições: Até 07/01/2019

Processo de seleção: De 08/01/2019 a 03/02/2019

Divulgação do Resultado: 04/02/2019

Capacitação e Mentoria: De 04/02/2019 a 18/03/2019

Workshop Presencial: 23/02/2019

Missão em Santiago: De 24/03/2019 a 29/03/2019

Avaliação e monitoramento de resultados do ciclo: De Abril/2019 a Dezembro/2020

Para mais informações  sobre o ciclo Chile do StartOut acesse aqui.

2018-12-17T15:38:44+00:00