Estados Unidos é um dos países mais buscados para internacionalização de startups

Desde 2014, quando a crise econômica atingiu o Brasil, muitos brasileiros começaram a migrar para outros países em busca de melhores oportunidades. O destino mais procurado foi os Estados Unidos, devido a proximidade geográfica, semelhança cultural e por abrigar a capital financeira do Mundo: Nova York.

Entre 2015 e 2018 houve um aumento de 74% na emissão de vistos permanentes para cidadãos brasileiros residirem nos Estados Unidos. Do total de 4,3 mil vistos emitidos há dois anos, 709 eram para abertura de negócios no exterior, segundo o Departamento de Estado Americano.

De acordo com o Ministério das Relações Exteriores, de todos os 20 mil brasileiros que decidem internacionalizar seus empreendimentos, 9 mil optam em ir para os Estados Unidos, o que representa 45% do total. Essa preferência pelo país norte americano também é comprovada pelo StartOut Brasil, que este ano realizará seu terceiro ciclo para esse destino.

Para o Ciclo Miami, realizado no terceiro trimestre de 2018, foram recebidas 115 inscrições. Já para a imersão em Boston, ocorrida em setembro de 2019, 93 startups demonstraram interesse. Agora, para a missão em Nova York, que acontece entre 19 e 24 de abril de 2020, 116 negócios foram inscritos.

No dia 28 de fevereiro serão anunciadas as startups selecionadas para participar deste ciclo nas categorias “ampla concorrência”, que nunca participaram ou que só participaram de um ciclo do programa, e “graduadas”, que já estiveram em duas ou mais edições.

Para saber mais, acesse: https://www.startoutbrasil.com.br/

2020-02-19T17:18:04+00:00