Próximo destino do Startout Brasil está entre os mais promissores para a criação de startups

Recentemente foi divulgado o Global Startup Ecosystem Report 2019, um estudo mundial sobre startups lançado anualmente pelo instituto de pesquisas Startup Genome. Criado com dados de mais de um milhão de empresas, o material também elenca os 30 ecossistemas globais mais propícios para a criação de startups. Na lista, Boston, o próximo destino do StartOut Brasil, aparece em 5º lugar, atrás apenas do Vale do Silício, Nova York, Londres e Beijing.

De acordo com o relatório, no último ano houve um aumento de US$ 220 bilhões em investimentos totais de capital de risco. Tendo em vista que em 1998 esse valor era de cerca de US$ 900 milhões em Boston, vemos que essa evolução tende a se repetir, uma vez que apenas nos primeiros meses de 2019, o município contou com aportes milionários, como a rodada de série E de US$160 milhões para a Desktop Metal, unicórnio que desenvolve impressoras 3D de metal; e as rodadas de séries A de US$15 milhões à Veo Robotics, de US$28 milhões à Humatics e de US$60 milhões à Dewpoint Therapeutics.

Por que Boston possui um ecossistema benéfico para startups?

Lar de startups especializadas, principalmente em tecnologia limpa, biotecnologia e robótica, esse ecossistema tem um valor estimado de US$42 bilhões. Isso se deve a concentração de mais de 50 aceleradoras e incubadoras na região, a implementação de programas globais, como o MassChallenge, e o oferecimento de crédito fiscal para pesquisa e desenvolvimento, gerando vantagens competitivas na hora de atrair empresas de outros estados.

Além disso, o importante “hub” de inovação e empreendedorismo científico-tecnológico abriga instituições como MIT e Harvard, vistas como referências mundiais em educação superior. A metrópole também oferece bolsas de pesquisa para tecnólogos e empréstimos e incentivos fiscais a empreendedores.

Por esse motivo, as startups da cidade mais populosa do estado americano de Massachusetts geraram, entre 2016 e 2018, US$4 bilhões. Esse valor faz parte do investimento mundial realizado ao empreendedorismo neste período, que cresceu 20,6% nos últimos três anos, chegando a US$ 2,8 trilhões.

Quer fazer parte desse ecossistema promissor?

Saiba mais sobre o ciclo Boston do Startout Brasil clicando aqui!

 

2019-06-06T12:02:39+00:00