Vibrante e repleto de oportunidades: conheça o ecossistema de negócios de Chicago, próximo destino do StartOut

Conhecida internacionalmente pelo seu tempo ventoso, Chicago é uma das maiores metrópoles dos Estados Unidos e o próximo destino do StartOut Brasil. Com mais de 2,7 milhões de habitantes e repleta de arranha-céus, a cidade tem um ecossistema vibrante de inovação e tecnologia. Somente no ano passado, seu ambiente consolidou 12 unicórnios – startups avaliadas em mais de US$ 1 bilhão. 

O destino conta com mais de uma dezena de universidades, como a  University of Chicago, uma das mais respeitadas universidades dos Estados Unidos e um dos principais centros de estudos econômicos do mundo. Além disso, é um centro moderno que aposta na diversidade: a cidade foi escolhida por Melinda Gates para criar o primeiro centro inclusivo de tecnologia de sua fundação. 

Segundo o relatório publicado pela Chicago Business Bulletin sobre o ecossistema de negócios na capital de Illinois em 2021, a cidade recebeu US$ 9,7 Bilhões em investimentos de growth capital no ano – 7 bilhões deles em venture capital, o dobro de 2020. Além disso, Chicago tem um índice baixíssimo de desemprego (4,3%), com mais de 30 mil oportunidades de emprego abertas por mês. 

“Melhor cidade grande do mundo”

Além de um ambiente propício para o crescimento de negócios, a qualidade de vida é um aspecto marcante em Chicago, que foi apontada como “a melhor cidade grande” do mundo pelo quinto ano consecutivo pela Condé Nast Traveler. A revista destaca a escolha por sua “arquitetura impressionante, museus de primeira linha, chefs brilhantes e enorme cena cervejeira”. 

Historicamente, o estado de Illinois desempenhou um papel importante no desenvolvimento econômico norte-americano, inclusive por sua localização privilegiada na região central do país, boa navegabilidade dos rios e terras férteis.

Segundo a Radiografia dos estados do Meio Oeste dos EUA 2022, publicada pela parceria da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), com a Câmara Americana de Comércio para o Brasil (AMCHAM) e  o Consulado-Geral do Brasil em Chicago, a cidade tem uma economia diversificada, capaz de alavancar a economia do estado com um todo, com 9,5 milhões de residentes e um PIB de US$ 671 bilhões. O PIB setorial da região metropolitana se divide em: imobiliário (14%), manufatura (12%), finanças e seguros (10%), serviços (10%), governo (8%),  setor atacadista (8%), saúde (7%), e outros (24%).

Cidade ligada à inovação, ciência e tecnologia

Ainda segundo o relatório, Chicago abriga muitas das principais instituições financeiras globais e três das principais bolsas internacionais e o estado de Illinois tem uma rica história no âmbito da inovação em ciência e tecnologia – com um ecossistema de inovação bem desenvolvido graças a sua robusta infraestrutura digital, redes de capital de risco e base de talentos em crescimento contínuo. Além disso, o estado também apresenta recursos de energia renovável robustos e diversos, incluindo eólica, solar, biodiesel, biomassa de resíduos orgânicos e hidrelétrica. 

A Radiografia também demonstra que Chicago se destaca no quesito da logística. Ou seja, além da localização estratégica para quem deseja explorar o mercado norte-americano, a região tem uma excelente infraestrutura de transportes e convive com tecnologias e inovações que reduzem custos e aumentam a produtividade geral da economia.

Por fim, o estudo confirma que as relações entre o estado de Illinois e o Brasil já são densas, complexas e profundas, tanto no campo dos investimentos quanto do comércio. Essa densidade pode ser uma poderosa alavanca para ampliar a relação e aproveitar novas oportunidades em diversas áreas e setores, reforçado pelas missões virtuais e presenciais que o StartOut Brasil oferecerá para empreendedores brasileiros na região. 

 

Período Eleitoral

Atendendo à legislação eleitoral vigente, algumas restrições serão implementadas no site do StartOut, com alguns dos conteúdos temporariamente retirados do ar, incluindo o blog.